9 de agosto de 2018

Novos projetos: legendagens de vídeos

Boa noite!

Antes de ir às novidades, peço que vocês leiam a postagem toda. Quero dar alguns recados e explicar tudo. Primeiro quero agradecer, de novo, à ótima recepção que vocês têm dado a nossa volta. Fico muito feliz em ver tanta gente interagindo no facebook. Estamos recebendo mais curtidas, compartilhamentos e comentários do que nunca. E mesmo que a última postagem no facebook tenha parecido uma despedida, ou umas explicações sobre os motivos do blog estar devagar, vocês estão lá para enviar mensagens de apoio. Obrigado!

E como eu disse lá, eu não quero parar de traduzir. É uma coisa que gosto de fazer. Mas ando um pouco enjoado de mangás e quase todos os mangás bons já estão disponíveis, a maioria até licenciado. Então, enquanto eu continuo procurando algum mangá bom para ler (e para traduzir), seja novo ou velho, vou começar a fazer uma coisa que sempre quis fazer.

Hoje compartilho com vocês a tradução que fiz de um vídeo. Muitos de vocês devem acompanhar alguns canais no YouTube, e os canais que eu mais gosto de acompanhar são os que fazem mini-documentários sobre nerdices em geral, seja vídeo games, animes, mangás (ou até mini-docs à lá Discovery Channel).

O primeiro vídeo que compartilho chama-se "With Eyes Unclouded - How Studio Ghibli Inspired Breath of the Wild" ("Sem neblina à vista: Como o Studio Ghibli inspirou Breath of the Wild"), do canal Beyond Ghibli. Então é um vídeo que fala não sobre um assunto que gosto, mas sobre 4 de uma vez! Animes, jogos, o Studio Ghibli e a Nintendo. O Studio Ghibli e a Nintendo devem ser as duas únicas empresas das quais eu sou muito muito fã, e esse vídeo é uma amostra imensa da qualidade do trabalho das duas.

O vídeo em si é tremendamente bem escrito e bem editado, e eu tentei caprichar o máximo possível na tradução. Lembrem-se de clicar em "opções -> legendas -> português Brasil" para ligar as legendas.

Também quero deixar meus sinceros agradecimentos ao dono do canal, que foi muito solícito comigo e aceitou uma parceria para que eu traduzisse seus vídeos, também achou muito legal que o vídeo possa alcançar públicos de outros idiomas. Em breve espero poder trazer mais vídeos do canal. Se vocês gostaram, deixem um like e comentem o vídeo :v se vocês passarem lá e dizerem que estão vendo a versão legendada, o dono do canal vai gostar muito. Então vamos ao vídeo!

Ah é. O vídeo contém pequenas revelações do enredo de Breath of the Wild (incluindo imagens do último chefão) e Princesa Mononoke (não contém spoilers diretos da história, mas uma análise da história do filme).



Bom vídeo!

4 comentários:

  1. Pois é eu até comentei hj no face, mas depois fica gente olhando o perfil da gente demais.
    Olha, serei sincera, sou muito agradecida mesmo pelo EDEN e KOKOU NO HITO ainda são forte referências pra mim, tanto que comprei EDEN e estou adquirindo INNOCENT apesar de ter baixado. Sobre editar mangas´, tempos atrás me atrapalhei toda na colocação das falas e foi um fiasco um teste que fiz pra ser tradutora, mas a real é que não gosto muito de contato com pessoas em rede, estava também trabalhando num ritmo louco. Acho que somos a soma de tudo que lemos e assisto. Tipo eu jamais me imaginei gostando do The Witcher, baixei os livros e não foi o suficiente, comprei os livros, o jogo do The Witcher e acabei gastando uma grana federal em jogos, acabei me por PS4, mas jogo mal demais, faz 3 meses. Só que a fascinação por mangás desde o traço, o estilo do mangaká. Nossa mangás, ensinam tanto. Animes tb eu jamais pensei que veria anime chinês, estou fascinada por Douluo Dalu não é só a computação gráfica, mas há um nível de espiritualidade, a humanidade dos personagens. Eu até já escrevi antes, mas acabo desaparecendo de tudo. Li que o administrador falou em depressão. Eu tenho, mas aprendi que há picos, aceito, fico pesquisando se não consigo me concentrar. Uso homeopatia pesada desde valeriana, alecrim, hipérico, CALMAN (homeopático) sem receita.
    E nossa toda essa cultura geeek me salva demais. No final das contas, posso me sentir abençoada e feliz.Sobre mangás atuais, há uns títulos lançados que são bobos mesmo, pura enrolação. Há coisas traduzidas pro inglês. A obra de Lovecraft está sendo traduzida pelo CYAN STEAM, mas baixei página por página, pois só on line, mas vibrei. Lembra que a JBC lançou um??? Agora temos mais dois, mas estão em inglês.
    Coisas assim me deixam feliz.
    Sinceridade, se tiver vontade faz e traduz o que queira.
    Mas pode se considerar realizado por EDEN ou KOKOU NO HITO.
    Mas eu curto ler mangás bobos, animes bobos.
    Yaoi.
    Shoujo.
    Mecha.
    Sci-fi.
    Há tanta coisa legal, semana passada vi a série THE TERROR, pensei não verei algo no gelo, que nada, magnífica.
    Tem a minha gratidão.
    Sabe que atualmente talvez tenha uma das cem maiores coleções de mangás do país, ranking com fotos de estantes...
    Mas é algo meu.
    E posso dizer com orgulho que foi o FUJI que impulsionou a minha coleção.
    Infelizmente a distribuição de mangás é desorganizada nas bancas.
    Havia desistido.
    Até que a partir do Fuji, comecei a ir numa livraria especializada e voltava com sacolas e mais sacolas.
    Cada louco com suas manias, há quem goste de investir no carro, num imóvel de praia, plástica.
    Eu com os meus mangás.
    Passei a olhar outros scans.
    Antes eu vivia demais no mundo do yaoi.
    E ainda vivo, claro.
    Mas cheguei a um ponto que tenho de ser coerente comigo.
    Eu admiro o trabalho de muitas scans, isso amplia demais a cabeça da gente.
    No face estou curtindo a página de vcs.
    Foi uma boa outro scan compartilhar a página de vcs e o recado de quem administra, o desabafo.
    Eu infelizmente tenho fobia a expor ideais.
    Há horas em que se vê uns egos tb...não ganho pra me estressar, já vi até pessoas que gratuitamente saem agredindo os outros na rede e afirmam que alguém tem que pagar pela vida que levam, então eu me policio demais mesmo.
    Até livros, nunca me imaginei lendo Zafon, literatura fantástica da Espanha (A Sombra do Vento, O Jogo do Anjo..)aquela biblioteca misteriosa que aparece nos livros remetendo a Borges, lindo.
    Tudo de bom para a administração, obrigada demais.
    Terão sempre minha gratidão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por comentar. Vou dar uma olhada nesses mangás do Lovecraft depois, gostei da arte.

      Seu texto também é muito bonito, desejo sorte e melhoras pra você :)

      Se quiser conversar mais, estou no face o/

      Excluir
  2. Excelente trabalho de tradução Lucas!
    Ele tem uma narrativa muito boa e usa um vocabulário bem sofisticado inclusive, parabéns pelo resultado.

    E obrigado por me apresentar o canal!

    ResponderExcluir

Comentários são exibidos imediatamente em postagens novas. Postagens com mais de 14 dias devem ter os comentários aprovados.